segunda-feira, 20 de abril de 2009

Te devoro!

Não sei ao certo quando isso surgiu em mim. É mais do que saudade, do querer estar por perto, é algo que me completa e faz querer ir além de um simples momento com a pessoa que mais me deixa feliz. Talvez eu esteja tentando explicar um desses sentimentos inclássificáveis e intensos, porém me sinto como se o que estivesse querendo dizer não coubesse nas linhas, nas palavras, em mim mesma. É especial demais, se tratando de VOCÊ!

A algum tempo eu venho tentando descrever algo que determine esse meu sentimento (tentando escrever esse post, na verdade) e simplesmente por não conseguir pensar em algo mais especial do que a data do décimo segundo dia vinte que nós nos conhecemos, o 'nosso aniversário', resolvi comentar sobre o ano que se passou. Não que sejamos apegados as datas, muitas vezes nem nos lembramos delas, mas esse dia marca em nossas vidas um ano diferente de todos os já vividos, das igualdades às diferenças, da felicidade às brigas, da amizade à confiança, tudo está atentamente guardado. De tudo meu amor, serei atento. Cada minuto, cada troca de olhares, cada gesto, cada frase, nenhum momento será esquecido, nem um beijo sequer.


De início foi a simpatia, essa mesma que me conquista todos os dias. Talvez isso e suas bobeiras, bem parecidas com as minhas tenham sido o suficiente pra tentarmos ficar juntos. E até agora, conseguirmos, diga-se de passagem, apesar de nem tudo sempre ter dado certo, como está acontecendo hoje.
Eu só quero dizer que a nossa fase está sendo indiscutivelmente a mais feliz, de todas. Mais maduros, porém não menos sorridentes, um pouco menos romanticos, porém nada que um olhar e um beijo não digam tudo que precisamos dizer. E é por essa sua paz que jamais vou te esquecer, é isso que eu amo em você, e é isso que espero e vou lembrar por toda vida! Que isso seja em nós, eternamente eterno, enquanto durar em mente e coração.
Hoje eu tenho a certeza de que dizer um eu te amo jamais decifraria esse sentimento tão complexo, que me completa tanto, e que soa tão forte, mas que não pode deixar de ser dito, quando é verdadeiro.


-Teu olhar não me diz exato quem tu és,

mesmo assim eu te devoro ♪

4 comentários:

Caaa :) disse...

lindos lindos lindos <3

Liizi :) disse...

Ah, você é linda. muito. teamo. muito. mesmo.

Luiza disse...

óun, que gracinha.

Gabi * disse...

Oq vc acha de atualizar seu blogzinho ? hihi beiiiiiiiijinho!